Loading...

Blog

“Runaway Bride” – Eron Araújo e Flayza Vieira assinam mostra inspirada em clássico dos anos 90

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

_MG_1010-tratada

Idealizada pelo hair artisan Eron Araújo e pela estilista Flayza Vieira, Runaway Bride celebra o legado do cinema hollywoodiano dos anos 90, deixado não só para a moda e a beleza feminina, mas também para o comportamento da mulher moderna.

Musa de uma geração e dona do título de “mulher mais bonita do mundo”, Julia Roberts, que estrela o blockbuster de 1999 no papel de cabeleireira e noiva em fuga, inspira o olhar do fotógrafo Marcio Norris, que traduz o espírito “nineties”, em dez lindas imagens expostas no Eron Araújo Creative Salon.

A mostra, que fica em cartaz de 20 de junho a 29 de setembro, teve um charmoso grand open comandado pela produtora Georgia Valério Wedding e reuniu os melhores nomes do cenário wedding nacional.

_MG_7825-tratada

Com direção de arte de Jhonny Braz, a produção de beleza ficou a cargo da equipe de experts Creative Team, com a beauty artist Suzana Galante à frente das maquiagens, o hair artisan Ulisses S.J, na produção dos penteados e o diretor criativo Eron Araújo, na direção e elaboração dos cabelos.

Runaway Bride conta ainda com o apoio da joalheira Carol Bassi e da agencia de modelo Da Haus.

Vale a pena conferir o resultado da mostra e aproveitar para se inspirar!

#PROJETOCINTURAFINAJÁ

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

Conheça o Creative Shock, um tratamento completo, que promete transformar o seu corpo e a sua vida!

trucos-perder-peso-a-tu-salud

A cintura é uma das partes mais femininas e marcantes do corpo da mulher. Ter uma cintura fina e livre dos temidos pneuzinhos, é o desejo de 10 em cada 10 mulheres.

Pensando nisso, a esteticista Vanessa Bellon, que compõe o Creative Team na área de saúde e bem estar, acaba de lançar um procedimento 100% eficaz, com resultado definitivo e que pode ser conferido em, no máximo, 45 dias.

O Creative Shock, protocolo inédito composto por procedimentos detox, criolipólise e ondas choque, tem o objetivo de exterminar a gordura localizada, além de ser altamente eficaz no processo de modelagem da cintura.

Para que o procedimento tenha total eficácia e o resultado seja surpreendente, Vanessa Bellon criou o protocolo que promove a desintoxicação corporal, antes da aplicação da criolipólise e ondas de choque.

“O primeiro passo é receber o Detox Creative, composto por esfoliação com sal lipolítico, manta térmica com argila e drenagem linfática com creme redutor. Após a sessão, recomendo alimentação balanceada e ingestão contínua de líquidos”, explica Bellon.

Segundo a esteticista, seguir esses passos é fundamental para garantir o efeito de “cintura de Barbie” e a redução das medidas do abdômen, logo após o término do procedimento.

Após uma semana, realiza-se a segunda parte do ritual Creative Shock: criolipólise + ondas de choque.

O primeiro procedimento é promover uma apoptose, ou seja, o congelamento e a morte celular gordurosa. Sua eliminação será através das vias excretoras.

cooltech-na-Vitaclin-3ª-geração-de-criolipólise

A última parte do protocolo é composta pelas ondas de choque, responsáveis por emitirem impulsos de tensão mecânicos, que se expandem como uma onda e são capazes de quebrar as moléculas que compõem a célula de gordura.

“É possível reduzir até 44% das medidas no local onde é feita a aplicação”, garante a Vanessa.

shockwave

Além de cintura e abdômen, o tratamento é eficaz para a região das coxas, glúteos, flancos e costas. Pasme, a redução de medidas pode variar de 2 a 6 centímetros.

Vale à pena conferir todos os detalhes do Creative Shock, que inclui aplicações em até três regiões do corpo por sessão, e tem os preços extremamente convidativos.

É hora de brilhar por aí com algumas medidas a menos e a cinturinha dos seus sonhos!

Para mais informações ligue para (11) 5096-3549.

Verdade ou Mito: O cabelo pode cair até seis vezes mais no outono?

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

queda1

A perda diária de alguns fios de cabelo, que varia em média de 100 a 150, faz parte do seu ciclo de vida natural. Porém, no outono esse número pode sextuplicar e, pasme, a queda pode chegar a 600 fios por dia!

Vale contar um pouco mais sobre o ciclo do fio, que permanece em fase de crescimento ou anágena, de dois a quatro anos, repousa ou entra em fase catágena por três semanas e, finalmente, cai. A fase telógena, como é chamado o período de queda, pode durar de três a quatro meses.

O que acontece no outono é que, ao invés dos fios caírem aos poucos, ao longo desses meses “telógenos”, vão-se quase todos de uma vez. Por isso, o susto, ao acordar e ver os fios espalhados na fronha ou, literalmente, indo pelo ralo.

E você sabe qual é o motivo disso tudo? A falta de luminosidade e a queda da temperatura. A baixa incidência do sol enfraquece a produção de melanina, que por sua vez, retira a força da raiz dos fios, causando o aumento da fragilidade e a queda excessiva.

Mas, nem tudo está perdido. O hair artisan e diretor criativo do Creative Salon, Eron Araújo, conta quais são as cinco dicas infalíveis para minimizar o problema!

Aproveite o sol, sempre!

Uma das melhores dicas para fortalecer os fios no outono é a exposição solar. Para evitar o ressecamento e proteger a fibra, aplique um produto com filtro UV, como um serum ou reparador de pontas e aproveite cada raio de sol.

Abafar, jamais!

Chapéus, lenços e bonés são incrivelmente estilosos e podem compor um look como nenhum outro acessório. Porém, abafar o couro cabeludo determina, quase que imediatamente, a queda capilar. Evite usá-los por muitas horas ou em dias quentes.

Invista!

Não é besteira quando o seu cabeleireiro indica um produto específico para o seu tipo de cabelo. Pelo contrário. É extremamente importante repor no fio, os nutrientes que ele que ele perde durante um processo de descoloração, por exemplo. Por isso, a dica é investir em linhas próprias para o seu tipo de cabelo. Isso ajuda a mantê-lo saudável em qualquer época do ano!

Cuidado com o calor!

Seja a água chuveiro, o vento do secador ou o calor do babyliss, todo cuidado é pouco com as altas temperaturas. Elas tendem a deixar o couro cabeludo mais oleoso, o que promove o enfraquecimento da fibra e por sua vez, estimulam a queda. É fundamental usar protetores térmicos e dosar a quantidade do creme leave in, que deve ser aplicado apenas entre comprimento e pontas.

Mantenha-se alerta!

Caso você note a queda excessiva, acima dos 600 fios diários, e, em alguns casos, consiga ver o couro cabeludo ao se olhar no espelho, é importante repor matéria nos fios e tratar o couro cabeludo. Procure um profissional e ele saberá indicar o melhor tratamento. Existem hoje no mercado, produtos específicos para queda e rarefação, que funcionam de verdade e seus efeitos podem ser comprovados em até quatro semanas. Vale à pena conferir!

Alongamento de Cílios: Descubra os benefícios do “Volume Russo”

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

KimKardashianLashes

Tendência absoluta entre as mulheres super conectadas, que não abrem mão de estarem sempre lindas e prontas para qualquer ocasião, o alongamento de cílios tem se tornado um verdadeiro aliado de beleza e um acessório indispensável no dia a dia.

Se antes parecia um sonho, dormir e acordar com lindos e longos cílios de boneca, agora só depende de você, encontrar um bom profissional e dizer adeus às cinco camadas de máscara e borrões diários!

O beauty artist Jonas Oliver, que atende no Creative Salon do Campo Belo, em São Paulo, é expert na técnica “Volume Russo” e garante: é possível aumentar em até cinco vezes, o número de fios que você já possui.

Feita com fios de seda, escolhidos, estrategicamente, por sua espessura ultra fina e acabamento delicado, a técnica permite colocar até cinco fios em um único cílio, o que multiplica significativamente seu volume natural.

before and after 1
Depois e antes, por London Lash Professional

Inspirado pela consagrada London Lashes, considerada a maior referência internacional em “Volume Russo”, Jonas analisa o perfil das clientes e cria composições únicas, para realçar o olhar de cada uma delas.

“É possível escolher o comprimento dos fios de seda, que variam entre 9 e 14 milímetros. A espessura é padrão e possui 0,07mm”, explica o profissional.

O resultado pode ser conferido em apenas uma hora, tempo que dura a aplicação. A manutenção deve ser feita a cada dez dias, para que haja maior durabilidade do procedimento.

Segundo Jonas, não existe contra indicação, apenas recomenda-se abrir mão do rímel e higienizar a região com sabão neutro, como o Jhonson’s Baby, por exemplo.

“Para que os cílios naturais cresçam fortes e saudáveis, basta respeitar o prazo de manutenção”, alerta o beauty artist.

Vale lembrar que a remoção dos fios de seda, deve ser feita pelo profissional.

A aplicação do “Volume Russo”, no Creative Salon, custa a partir de R$200. Agende seu horário: (11) 5096-3549.

Como fazíamos sem… Xampu?

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

Valia até banha de urso para domar a juba

Por Marcus Lopes

medusa-caravaggio

A falta de xampu não devia incomodar muito a Medusa | Crédito: Caravaggio/Google Art Project

A limpeza e a saúde dos cabelos são uma preocupação que vem da Antiguidade. Plantas e essências de rosas e jasmim eram usadas pelos povos antigos do Oriente para limpar os cabelos, controlar a oleosidade e amaciar os fios. Durante a Idade Média, as técnicas foram trazidas para o Ocidente pelas cruzadas. Nesse período, as receitas ganharam ingredientes mais comuns para poções mágicas do que produtos de limpeza, tais como raiz de couve, banha de urso e rãs.

Com o tempo, as fórmulas caseiras foram substituídas por sabão e sabonetes para manter os cabelos limpos. A origem do xampu remonta ao ano de 1759, quando um homem de negócios chamado Sake Dean Mahomed criou os primeiros banhos de xampu na Inglaterra, nos moldes dos banhos turcos. O nome vem do hindi champo, que quer dizer “massagear”. Nos anos seguintes, o produto começou a ser incorporado pelos cabeleireiros ingleses, que adicionaram ervas aromáticas aos sabões para obter fragrâncias especiais.

A primeira fórmula para o xampu como conhecemos surgiu em um laboratório na Alemanha em 1890, mas começou a se popularizar apenas no século 20, após a Primeira Guerra Mundial. No começo era um produto caro e para poucos. Com o tempo e o crescimento da indústria da beleza, o xampu foi aprimorado e tornou-se um produto indispensável na hora do banho.

Entre as maiores curiosidades sobre a história do xampu está a versão de que, no século 16, o produto era utilizado como bebida energética pelos guerreiros na Europa. Ao ingeri-lo, acreditava-se que o soldado ganharia forças contra os inimigos. Teria surgido daí a expressão “tônico capilar”.


Quando surgiu o…
Secador
Após o xampu, surgiram outros produtos para auxiliar a manter a beleza dos cabelos. O secador surgiu em 1920 e foi desenvolvido pela empresa americana Racine Universal Motor. O projeto foi inspirado no mecanismo do aspirador de pó, surgido alguns anos antes.
Permanente
O permanente de cabelo nasceu em 1906, após o cabeleireiro alemão Karl Nessler desenvolver uma técnica para encaracolar os fios utilizando produtos químicos e tubos metálicos aquecidos no fogo. Até aperfeiçoar seu projeto, ele havia feito muitas tentativas, que renderam muitas dores às clientes.
Tintura
As primeiras tinturas modernas para cabelos começaram a ser vendidas em 1909 pelo químico francês Eugène Schueller. Ele desenvolveu um produto que era vendido para cabeleireiros parisienses. As tinturas foram a base para a construção de um império que se tornaria sinônimo de produtos para beleza e cosméticos: a L’Oréal.
Reprodução: Revista Aventuras na História

O que Mozart, Einstein e Picasso faziam para estimular a criatividade

O QI sozinho não explica a criatividade desses gênios

Por Época Negócios Online
MOZART (FOTO: GETTY IMAGES)
MOZART (FOTO: GETTY IMAGES)
Inteligência não é apenas ser capaz de criar um trabalho extraordinário. Mesmo as pessoas mais criativas da história que você admira enfrentaram problemas de naturezas variadas. Afinal, o QI, por si só, não é garantia de um trabalho de sucesso. Há mais fatores que influenciam a criatividade do que a inteligência.

“Criatividade não é um talento. É uma forma de agir”, disse o ator John Cleese. Como analisa a revista Inc., gênios reconhecidos pela sua criatividade são capazes de reunir elementos, aparentemente contraditórios, de uma forma incomum e não esperada. Apesar de cada um ter seu estilo e seu método, Wolfgang Amadeus Mozart, Albert Einstein e Pablo Picasso, compartilhavam certas características em comum para expressarem a criatividade em suas respectivas artes. A revista Inc. mostrou quais. Confira:

Eles tinham determinação necessária para alcançar o nível de domínio em suas áreas
Picasso (Foto: George Stroud/Getty Images)

Determinação pode ser um indicador de sucesso melhor do que o talento. Isso porque alguém pode ser extremamente talentoso, mas se não for capaz de se aperfeiçoar constantemente, nunca será bom de verdade. A habilidade de perseguir e buscar aquilo que significa muito para você durante um longo período de tempo é um indicador de você poderá conseguir qualquer outra coisa de valor na sua vida.

Pessoas criativas ao extremo têm uma grande motivação. Talento sozinho nunca lhes é suficiente. Os gênios, do passado e do presente – segundo analisa a Inc. – são reconhecidos normalmente pela perseverança, concentração, instinto e foco absoluto naquilo que eles querem fazer bem. Dedicação em um nível fora do comum é pré-requisito para conquistar o domínio sobre uma arte, um ofício, um trabalho.

Einstein, por exemplo, tinha uma inteligência altíssima, mas ele realmente amava e era obcecado em buscar a sua teoria da relatividade. Ele estava sempre curioso, considerava estudar ideias novas e radicais. Ele gastou uma grande parte de seus anos mais produtivos buscando provar a Teoria da Relatividade. Isso significa tudo para ele. Pessoas criativas têm um forte desejo de trabalhar duro e se esforçar por longos períodos – principalmente se elas acreditam no que estão fazendo. Em uma carta destinada a seu filho, Einstein pede com veemência que ele, quando aprendesse a tocar piano, o fizesse principalmente com música que ele mais aprecia – sem ser auxiliado por nenhum professor. “Esta é a melhor forma de aprender bastante. Com diversão. Assim, você nem vê o tempo passar, fica absolutamente imerso e esquece até de comer”, disse.

Eles têm coragem suficiente para abraçar o desconhecido
O cientista Albert Einstein (Foto: Wikimedia Commons/Wikipedia)

A disposição por arriscar, sair da zona do conforto ou de um modus operanti de olhar as coisas do jeito mais tradicional, fazem um bem enorme à criatividade. Você só pode explorar todo seu potencial se abraçar o risco associado ao fazer coisas diferentes.

Você não conseguirá atingir o ápice da sua carreira se não consegue tolerar lidar com o desconhecido. A história mostra que os gênios criativos arriscavam mais para obter resultados. A menos que você queira conforto e estagnação, arriscar é um requisito de todo processo criativo. Einstein, Mozart e Picasso valorizam o processo de seus trabalhos tanto quanto o resultado, viam os obstáculos como oportunidades para conseguir progredir mais e mais.

Uma vez perguntaram a Picasso se ele sabia, de antemão, como uma pintura que havia começado ficararia. Eis que ele respondeu: “É claro que não. Se eu soubesse, não estaria me aborrecendo com ela”, disse.

Eles direcionam a insatisfação para aprender, criar, inventar e fazer algo além

Einstein, Picasso e Mozart eram extremamente curiosos, abertos a novas ideias e persistentes em suas respectivas carreiras a despeito dos reveses que sofreram. “Eu não tenho nenhum talento especial. Sou apenas alguém profundamente curioso”, disse Einstein uma vez. Já Picasso afirmava que estava sempre trabalhando em algo que não conseguia fazer, já que daquele modo, poderia aprender como fazê-lo.

Já Mozart estava imerso no mundo musical desde sua infância. Mas isso não era desculpa. Ele estudou duro, pediu que seu pai lhe ensinasse as técnicas de mestres consagrados, como Bach, Handel e Haydn. Uma vez escreveu a um amigo sobre seu comprometimento com a música.

“As pessoas pensam que a arte é algo que vem fácil a mim. Mas eu garanto a você, meu caro amigo, que não há ninguém mais devotado e que dedica tanto tempo a uma composição quanto eu. Não deve haver um mestre famoso que eu não tenha estudado minuciosamente diversas e diversas vezes”.

 

ERON ARAÚJO ESTREIA NOVA CAMPANHA DE TRESEMMÉ

Eron Araújo Creative Salon Recebe prêmio de Melhor Salão do Brasil

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

Prêmio Cabelos

Na consagrada noite em que a beleza reúne seus melhores expoentes, o Prêmio Cabelos & Cia., foi entregue, dignamente, ao Eron Araújo Creative Salon!

Recebido pelas mãos de seu diretor criativo, Eron Araújo, e de seu sócio-curador, Paulo Fernando Koloszuk, o troféu concretiza o merecido reconhecimento do salão-galeria, como sendo o terceiro melhor espaço de beleza do Brasil.

O EACS, que completou na noite de ontem, seu 16º mês de vida, é focado em atendimento de qualidade e alto luxo, além de oferecer experiências exclusivas e personalizadas a cada um de seus clientes. O salão ainda conta um elegante lounge ao ar livre, um bistrô com opções de refeições gourmet e drinques da estação.

O Creative Team, que recebeu quatro indicações nas categorias Melhor Colorista, com Marco Mauad e Natan Correia; Melhor Cabeleireiro Revelação, com Paullinho Netto e Melhor Cabeleireiro, para o já duas vezes premiado, Ulisses S.J.

Embora os profissionais não tenham recebido os prêmios, sentimos um orgulho e uma alegria imensa, em tê-los dentro da seleção dos melhores cabeleireiros do Brasil.

Parabéns a todos e que venha o #premiocabelos2017!

Qual é o pente que te penteia? Descubra qual é a escova certa para o seu tipo de cabelo!

  Publicado em   Categorias Sem categoria  Deixe um comentário

pinterest1

Há algum tempo temos acesso a tudo sobre penteados hypes, cortes de cabelo da estação ou tratamentos super eficientes. Mas, o que pouca gente sabe, é que tudo começa com um instrumento bem básico, e que nem sempre ganha seu verdadeiro status: a escova de cabelo!

Você sabia que a oleosidade excessiva ou a falta de brilho podem ser culpa daquelas “cerdas”, que, à primeira vista, parecem tão ingênuas? Pois bem, as escovas de cabelo possuem um papel muito mais importante para a saúde e styling dos fios, do que você imagina.

Vamos às dicas:

Pouco cabelo ou finos

kentpinterest

Fios delicados ou em pequena quantidade se adaptam perfeitamente às escovas com cerdas de javali extra macias. O toque dos pêlos não agride os fios, além de estimular o volume e a circulação do couro cabeludo.

Fios normais a médios 

raquete pro art

A raquete é ideal para escovar cabelos embaraçados e cheios, sem danificá-los. As de base almofadada e com bolinhas nas pontas, proporcionam, além de brilho, uma sensação agradável ao estimular e massagear o couro cabeludo.

Cabelos grossos ou crespos 

Tangle Teezer

Tem muito cabelo ou fios crespos e difíceis? Opte pelas escovas de cerdas longas. São elas as responsáveis por penetrar todo o cabelo, sem que você sofra com dores no braço para desembaraçar um grande montante de fios.

Para combater o frizz

redonda

As escovas redondas são as principais aliadas na hora de alisar, dar brilho e colocar os fios no lugar, com corpo e movimento. O secador e a escova redonda formam uma dupla imbatível, capazes de transformar qualquer penteado. Quanto mais curto o cabelo, menor o diâmetro da escova. Invista!

Eron Araújo na Mídia – Revista Capricho

Capricho - Eron - Jan 2017 3